segunda-feira, 29 de julho de 2013

Mostranto paletas de cores quentes e frias com gatos!

Em 1980 Carole Jackson escreveu o livro "Color me Beautiful" onde ela expõe suas ideias sobre "análise de cores". É um livro muito interessante para quem quer aprender mais sobre a teoria de combinar cores quentes e frias conforme o subtom da pele, e você pode adquiri-lo gratuitamente aqui (dá para baixar em pdf ou até mesmo ler online). Já contei aqui como a minha relação com as cores mudou, e aqui mostrei através de echarpes coloridas como algumas cores harmonizam bem com minha pele e outras não. Hoje quero mostrar mais algumas noções sobre harmonização usando fotos dos meus gatos. Pretendo expor algumas noções que, espero, sirvam como guia para você descobrir suas cores. Com gatos porque com gatos tudo (ou quase tudo) é melhor! Rá!


Já mostrei o Lugh no post sobre cores neutras aqui. Podemos observar que o Lugh não possui um alto contraste natural pois suas cores escuras não se distinguem fortemente das mais claras.


A passagem das cores na sua pelagem é suave, e até mesmo a relação dos olhos do Lugh com seus pelos também transmite suavidade. Seu subtom é predominantemente frio, seu pelo vai do "off white" ao cinza quase taupe , e sua pelagem se harmoniza maravilhosamente com seus olhos azuis claros acinzentados. Se eu fosse categorizar o Lugh no sistema das estações diria que ele é verão, e sua paleta seria a mais delicada das quatro:



Uma vez que o Lugh possui um esquema de cores que naturalmente não possui muito contraste ele precisa de cores suaves para ser valorizado pois na presença de cores fortes ele corre o risco de ficar em segundo plano. Em outras palavras: quem tem o esquema de cores em tons suaves corre o risco de não aparecer perto de peças vibrantes, e isso é errado. Quem tem que aparecer é você, não sua roupa, os ornamentos devem servir de moldura para sua beleza.



A Supernova é uma gatinha preta extremamente inteligente e carinhosa. Observem como ela se destaca na foto e como ela rouba a atenção do Lugh. Ela é altamente contrastante com tudo ao seu redor, chegando ao cúmulo de ser possível achá-la no escuro porque o preto dela é tão preto que se destaca. Preto é considerado uma cor fria. No sistema de Carole Jackson a única estação que possui o preto é o inverno, o que não deixa  dúvidas sobre qual estação seria a Supernova. Ela combina com cores frias, assim como o Lugh, mas ao contrário dele que precisa de cores suaves  e com menos saturação para se valorizar, Supernova fica maravilhosa com cores bem vibrantes e alertas. Cores suaves desvalorizam a Supernova, podem deixá-la sem graça, apagada. Sua paleta seria esta abaixo, reparem que não há meio termo: ou as cores são bem fortes e vibrantes ou são claríssimas (a última fileira mal aparece).



Frida é uma gatinha laranja com olhos verdes brilhantes. Embora seu pelo seja em alguns pontos um laranja vibrante, e seus olhos de um verde intenso, ela não possui muito contraste natural. As cores da sua pelagem não contrastam muito com os olhos, e a Frida possui claramente tons quentes na sua composição.

Por possuir um esquema de cores quentes e pouco contraste, Frida pode ser considerada "Primavera". Sua paleta seria a mais alegre e viva, aquela com mais cores. Na paleta da Frida temos cores suaves e vibrantes, mas sempre claras, ela ficaria sóbria demais com cores escuras. Além disso tais cores escuras poderiam desviar a atenção da Frida ao invés de valorizá-la. Pessoas com pouco contraste e subtom amarelado devem tomar cuidado com cores escuras pois correm o risco de passar uma sobriedade não intencional ao seu conjunto, como vimos com o azul escuro, e podem transmitir uma imagem autoritária. Por outro lado pode ser que seja o caso justamente de enviar esta mensagem ao mundo, pense a respeito. Roupas, e portanto suas cores, são maneiras de dizer ao mundo quem você é sem precisar dizer qualquer palavra.


Manolo é um gato siamês e portanto possui imenso contraste entre as cores das patas, orelhas, focinho, rabo e o resto do corpo. Seu pelo é mais amarelado que o do Lugh, embora não seja tão quente como a pelagem da Frida.  Já que Manolo tem uma pelagem mais quente e com alto grau de contraste penso que sua paleta seria a do Outono.


Sua paleta não tem muitos tons de azuis,  para quem tem cores quentes os azuis ideias são o Royal e o Turquesa pois são tons que possuem um pouco de amarelo na sua composição. Quem possui cores quentes precisa tomar cuidado com as cores frias, como roxos e liláses, sob o risco de ficarem com o amarelo da pele (ou pelo) realçados, o que certamente não dá um ar de saúde. Assim como Manolo que tem os olhos azuis, muitas vezes o tom da pele não indica a mesma estação que o pelo/pele e olhos. Como a pele aparece bem mais que os olhos vale mais usar aquilo que se harmoniza com o que tem mais destaque, que é a pele. Eu, por exemplo, possuo a pele com subtom azulado, meu conjunto é suave e minha estação é o verão. Porém meus olhos possuem tons quentes perto da íris, e se eles fossem levados em consideração eu poderia ser caracterizada como primavera, e como já vimos aqui seria um diagnóstico falho dado que claramente cores quentes não me valorizam.

"Estou bem de azul?"
A paleta outonal é composta por cores com mais amarelo na sua composição, seu vermelho, por exemplo, tende mais para o malagueta que para o cereja. Cores como khaki, oliva, castanhos e marrons, dourados valorizam imensamente quem tem o subtom amarelado. Sua cores são sensivelmente mais escuras que as da Frida, mas sem chegar no preto. Observem que mesmo as partes mais escuras do Manolo são de um castanho bem café, que chegam perto do preto mas sem abandonar completamente o castanho. Pessoas cuja paleta é a mesma do Manolo são assim também, embora muitas vezes o cabelo até pareça preto ainda resta um fundo castanho o suficiente para o cabelo não ser considerado preto azulado. Mas como já disse antes, mesmo que o cabelo fosse preto azulado, a prioridade para avaliar se suas cores são quentes ou frias deve ser considerar a pele. Cabelos podem ser tonalizados, e olhos não aparecem tanto de longe, mas a pele é aquilo que mais expomos em nosso visual e que não podemos mudar.


Ainda não me decidi sobre minhas gatas tricolores. Atena embora possua preto e branco na pelagem ela tem um laranja bem vibrante na pelagem e olhos verdes amarelados. Ela claramente é valorizada por cores quentes. 



Outro exemplo de caso limítrofe é a Jade. Ela é uma "escama de tartaruga", ou seja, seu pelo é predominantemente preto mas com manchas laranjas e brancas rajadas na pelagem. Seus olhos são mais azulados que os da Atena, e seu conjunto tende mais para o frio que para o quente, portanto eu caracterizo a Jade como inverno, assim como a Supernova.




Acho que quando se possui tanto elementos quentes quanto frios nas cores naturais o teste dos lenços coloridos indica melhor que a avaliação isolada do subtom da pele.  Procure observar quais cores te ajudam a ter aparência saudável e rejuvenescida, com quais cores você se sente melhor, com quais cores e tons você recebe mais elogios, quando tem menos necessidade de maquiagem(se usar maquiagem) e peça também a opinião de terceiros.
 
Boa semana para todos!


10 comentários:

  1. Com certeza Barbara, com gatos tudo fica melhor!!! Estou adorando saber mais sobre cores aqui!

    ResponderExcluir
  2. Bárbara,tive que ler duas vezes o post,por causa desses gatos lindos,eu só conseguia prestar atenção neles,haha.
    Eu tenho um gato preto de 1 ano e gostaria de ter mais,mas o meu não aceita outro,como vc fez para ter tantos,pegou todos juntos e filhotes?
    Quanto ao post,vc é ótima para explicar,estou entendendo cada vez mais sobre o assunto,agora presto mais atenção quando vou colocar uma blusa,para que a cor não chame mais atenção do que eu,hahah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Renata!
      O Lugh, a Supernova e o Manolo vieram na mesma época, com a diferença de apenas alguns dias. A Frida e a Atena busquei em um abrigo seis meses depois, adultas já. A Atena foi abandonada pela dona depois de anos juntas e a Frida foi encontrada na rua grávida e com uma filhotinha. Sete meses depois disto o abrigo me chamou dizendo que estavam fechando e perguntando se eu podia adotar a filha da Frida, a Jade. E sim! Há eventualmente alguns desentendimentos, e na maioria das vezes da Frida com os outros, ela é bem introvertida. Mas acho que de forma geral foi bem tranquilo incorporar outros gatos. No começo deixamos isolados, num quarto só para o bichim novo, vamos apresentando com calma. Pode demorar uns dois meses para a integração, gato precisa de tempo mesmo.
      Que bom que está sendo útil! Se você lê em inglês recomendo demais baixar o livro da Carole Jackson no link que coloquei.
      Beijo!

      Excluir
    2. Obrigada,vou tentar incorporar outro gato,novamente,porque da primeira vez eu não sabia que levava tempo e que é bom separar em um quarto e como o meu gato ficou até sem comer,tive que devolver para minha amiga ( a gata dela tinha dado cria e eu peguei um).
      E eu vou baixar o livro sim,foi bom vc falar de novo,eu fiquei tão empolgada com os gatos,que até esqueci de ver,hahaha.
      Bjs.

      Excluir
    3. Como te disse, demora mesmo, tem que apresentar o gato aos poucos. Mas vale a pena, gatos gostam de companhia.
      Obrigada você pelos comentários! Beijão!

      Excluir
  3. que lindos!
    agora vou começar a observar melhor as cores...
    devo ser outono quase inverno...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Valkika! Observe bem se seu subtom é quente ou frio heim?
      Bjo!

      Excluir
  4. Achei seu blog, escrevendo um artigo sobre cores. Mas amo gatos! De paixão! A minha Toníca é muito igual à sua Jade. Achei por acaso mesmo, mas amei!

    Bjs

    Izabel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Izabel! Gatos são apaixonantes mesmo! Que bom que curtiu! Quando estiver pronto, deixa aí o link para vermos o que você escreveu sobre cores.
      Bjos!

      Excluir